Casamento infeliz o que fazer?

      No Comments on Casamento infeliz o que fazer?

Em algum momento do casamento nos deparamos com essa grande dúvida será que eu estou feliz como o meu casamento?  não importa quantos anos de casado (a) você tenha, essa perguntar começa geralmente quando algumas áreas do casamento não estão indo bem, área financeira, área amorosa (afeto, carinho, respeito e cuidado), e etc…

Fases ruins no casamento assim como na vida são inevitáveis, elas acontecem e passam. SIM elas passam por mais que no momento em que estamos vivendo pensamos que ela nunca vai acabar, por isso quero dar algumas dicas que vão fazer você olhar esse momento de “infelicidade” no casamento e começar a olhar por outro angulo que o que hoje esta ruim, pode melhorar e melhorar muito a ponta de você daqui a um tempo bem breve rir de toda essa situação vamos lá:

1 – Acreditar

Como tudo na vida temos que acreditar que as situações podem sempre mudar para melhor, se continuamos desacreditados e desanimados que o casamento esta ruim e que você esta infeliz  e não saber o que fazer, a situação vai continuar exatamente como está.

Falo isso não para te colocar mais para baixo de como possa esta, falo isso para te encorajar a acreditar que essa situação vai mudar e juntos vão da a volta por cima e ultrapassar essa barreira seja ela qual for, não espere seu cônjuge comece por você a mudança que deseja ser e isso vai fluir a ponto de seu cônjuge será contagiado por essa mudança e fé em dias melhores, e quando perceberem estarão felizes e fortes e muito mais unidos do que antes dos problemas aparecerem.

2 – Comunicação

O maior problema dos casais do século 21, e a falta de comunicação principalmente por causa da internet e das rede sociais, não estou dizendo que não devemos usa- las mas sim fazer o uso moderada e estabelecendo limites e horários, vejo muitos casais que são para fazer atividades de casais sejam elas jantar, ir ao cinema, ir ao parque e ficam o tempo todo o cara no celular, e é nessa falta de comunicação que mora o perigo, pois não conversamos, não nos expressamos e vamos guardando a mágoa, o rancor.

Nisso vem a tristeza o desânimo e aquele pensamento, estou infeliz no casamento, desabafamos com  facilidade para os “amigos” e na maioria das vezes nosso cônjuge não tem ideia do que esta acontecendo com a gente e como estamos triste e ainda colocamos a culpa nele sendo que muita vezes não falamos e quando falamos só sabemos cobrar, por isso a partir de agora vamos nos comunicar com o nosso cônjuge no começo parece difícil e desafiador, mas aos poucos vira um habito saudável que vai melhorar o relacionamento em 200%.

Lembre de sempre escutar mais do falar, se não saber por onde começar, comece perguntando como o dia, como foi no trabalho e assim a conversa vai acontecer naturalmente, e aos poucos comece a expressar o que sente o que espera do seu relacionamento daquele momento em diante e você vai se deparar com uma melhora extradicionaria no seu casamento.

3 – Não espere seu cônjuge agir, aja você mesmo

Tem uma frase do livro o Poder da Ação do autor Paulo Vieira, recomendo esse livro ele e fantástico, que diz assim “Tem poder quem age e tem mais poder que age certo” ai você me perguntar o que tem a ver essa frase com infelicidade no casamento?

Se você esta lendo essa artigo indica que está triste mais ainda tem esperança que seu casamento pode mudar, se chegou até aqui indica que você realmente que que sair dessa situação e não está procurando o divórcio, e a partir de agora a palavra divórcio tem que ser excluída completamente do seu vocabulário e principalmente dos seus pensamentos, agora que tem já saber as ferramentas.

Ferramentas que parecem tão simples mais que se colocadas em pratica como tudo na vida vão fazer uma diferença enorme primeiro na sua vida e depois no seu casamento, voltamos lá para a frase do livro “Tem poder quem age e tem mais poder que age certo” então não espere por nada e ninguém e comece agir, acreditar e se comunicar até sair dessa situação de infelicidade, para a situação de um casamento feliz e agradável e eu te desejo muita força e fé para essa missão.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *